14 de outubro de 2009

Iguana de batina

Estranhou o título? A partir de hoje começa uma nova 'série' no Iguana, com este nome. Iremos abordar, de uma maneira bem-humorada características de algumas religiões. TENTAREMOS não ser desrespeitosos. Não sei se será possível. Mas dane-se.

Hoje falaremos sobre a galera mais performática, mais
glam rock, do protestantismo: falaremos sobre o movimento pentecostal, surgido no séc. XX. Falaremos sobre os chamados evangélicos *-*
Maiores informações nos links acima. ;D
.
Bom, eu não sou ateu, muito pelo contrário. Mas o que mais me fascina nessa corrente religiosa é, como eu disse, a performance. Fazendo um paralelo na música, o pentecostal é tipo aquele cara que decidiu não ser mais tr00 e se tornou poser, porque vende mais disco. Logo, personalidades como o grandioso ser abaixo conseguem arrebanhar muito mais fieis do que um simples padre. Pra quem não conhece, prazer. Este é o Pastor Pilão! \,,/


video

Além desta performance inimaginável em uma mesquita, por exemplo, os pentecostais não exigem um sacerdócio, o que permite que crianças, como a Menina Pastora Louca e a Mina do Kaká possam discursar para uma plateia inflamada e simpática. Se o jornalista não precisa fazer faculdade, não precisa de muita coisa para se pastor... lógica bacana, champz.

Outra coisa bacana é o dinheiro. Segundo a Mina do Kaká, foi Deus quem colocou dinheiro no Real Madrid, para que o clube pudesse comprar o passe do seu esposo e pra que ela possa abrir uma Igreja Renascer na capita espanhola. Senhor Deus, tu tá com umas propostas mirabolantes hoje em dia, né?

Falando em dinheiro. Cara, uma coisa e inegável. Os caras montam uma igreja e ficam milionários! oO' Ah, pode ser, realmente, que os caras realmente são abençoados, etc. Mas ter grana pra comprar uma REDE DE TELEVISÃO é dose. Esconder dinheiro NUMA BÍBLIA, nem se fala... e o pior, cara, é a qualidade da programação dessas redes.

Ligue a TV num fim de semana, para ver algum jogo de futebol e você será surpreendido por programas muitcho doidos dessa galerinha que apronta muita confusão com encostos e espíritos afins. Sem contar o glorioso Fala Que Eu Te Escuto, que alegra a madrugada de pessoas incrédulas e é motivo de trotes muito filhos da puta, como os do link acima. Falando em religião, achei esse blog aqui, o Não Salvo. Bom pra caralho.

E aí, deu pra matar a saudade?

Nenhum comentário:

Postar um comentário